sábado, 30 de janeiro de 2016

Câmara da Ilha aprova em turno final suplementação ao Orçamento


A Câmara de Ilhabela aprovou em sessão Extraordinária nesta sexta-feira (29/1) a segunda votação do projeto de Lei do Executivo que prevê uma suplementação orçamentária na ordem de R$ 138,1 milhões ao orçamento vigente.  O projeto foi aprovado com os votos do presidente Adilton Ribeiro (PSD) e dos vereadores Carlos Alberto – Carlinhos (PMDB), Cleison Guarubela (PRB), Luiz Paladino – Luizinho da Ilha (PCdoB) e Dr. Thiago Santos (SD).

Os vereadores Sampaio Junior (PROS), Gracinha Ferreira (PSD) e Dra. Rita Gomes (PTdoB) não foram convocados. A princípio, a segunda votação foi agendada para a última terça-feira (26/1), mas os pares Sampaio (PROS), Gracinha (PSD), Dr. Thiago (SD), Profª Dita (PTB) e Dra. Rita (PTdoB), entenderam que alguns pontos constantes na matéria precisavam de maior análise.

Assim, a sessão ficou adiada para a próxima quarta-feira (3,/2), mas o presidente Adilton Ribeiro (PSD) decidiu antecipar a votação para esta sexta-feira (29/1) porque a maioria de obras e benfeitorias que serão realizadas com a verba foi aprovada no orçamento passado, mas não houve tempo hábil para execução. Outro motivo foi o pagamento do convênio com a Santa Casa, que poderia acarretar em atraso no pagamento de funcionários.

Na discussão, o vereador Dr. Thiago (SD), salientou que as dúvidas foram sanadas e que o projeto contemplava importantes avanços para a comunidade, alguns temas de requerimento de sua autoria, como um aparelho de tomógrafo para o Hospital Mário Covas e a revitalização da praia do Barreiros.

O vereador Luizinho (PTdoB) líder da bancada governista, destacou que o papel da Casa não acaba na aprovação, mas segue na fiscalização da execução das atividades das ações propostas no projeto. “Um projeto deste tamanho não pode ficar parado. Cada dia que passa é um dia a menos de benefícios para a população”.

Carlinhos (PMDB) também se mostrou feliz pela aprovação. “Fui favorável já na primeira votação. Esse projeto vai viabilizar conquistas muito importantes, como a canalização das aguas pluviais da Água Branca, objeto de requerimento de todos os vereadores desta Casa”.

De acordo com o Executivo, o montante de R$ 138,1 milhões vem do superávit financeiro do exercício anterior, além de repasse de verba da União para a Saúde. O projeto prevê remanejamento de valores nas pastas de Governo, Turismo, Desenvolvimento Social, Administração, Cultura, Saúde, Meio Ambiente, Obras e Serviços Municipais.

https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif

0 comentários:

Veja também...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

IMOBILIARIA

IMOBILIARIA
Sempre um bom Negócio - Corretores Credenciados - A Maior Variedade de Imóveis